sábado, 3 de outubro de 2009

Homens criativos, cantadas criativas



Você está conversando normalmente com um carinha com quem você não fala há séculos... pulam de um assunto para outro. E aí ele de repente começa a falar das ações da empresa em que você trabalha. Quando você acha que se trata de uma animada conversa sobre o mercado de ações, ele diz:

_ Será que se eu comprar ações da sua empresa você também vai ser minha? Quer dizer: terei algum direito sobre você?

(silêncio)....

Well... my dear, eu sou uma sociedade limitada, não sou S.A....

2 comentários:

  1. Pois é. Os carinhas tão mal acostumados com as ações ordinárias e não se conformam com quem fechou seu capital.

    ResponderExcluir
  2. Cara, na verdade eu acho que QUANTO MAIS ORDINÁRIA FOR A AÇÃO, MAIS ELES GOSTAM. Afinal de contas, elas dão direito de controle... rsrsrsrs

    Como eu sempre fui do tipo preferencial - leia-se: dou preferência nos resultados, mas não aceito que queiram ditar meu futuro - resolvi fechar o capital.

    Em vez de acionista, procuro, talvez, um sócio.... rsrsrsrs

    ResponderExcluir