terça-feira, 3 de novembro de 2009

A verdade nua e crua



Fim de feriado e lá fui eu ver mais um filme mamão com açúcar. Saí do cinema pensando que tinha sido mais um roteiro escrito por um homem, a julgar pelas piadas e o vocabulário. Mas, surpreeendentemente, o roteiro foi escrito - acreditem - por três mulheres.

Afinal de contas, o que mudou? "The Ugly Truth", cheio de frases com blowjobs, cock e outras "vulgaridades" realmente definem o imaginário de um homem moderno? Ou será que, escrito por mulheres, é apenas um exagero proposital para dizer que as mulheres estão cansadas dos metrossexuais, tipo o "Sr. Perfeitinho" que tá sempre limpinho, pele hidratada, barba bem feita, com a cartilha "como ser um romântico" decorada?

Depois de um filme como esse, pergunto: ser bonito, mandar flores, cartões, fazer declarações de amor, ser bom motorista, ter um bom emprego, fazer tudo certo e ter a vida "estabilizada" (o que quer que signifique isso) parecem ser as características de um homem que nenhuma mulher dispensaria, certo? Se tal homem existe, imagine agora como seria a sua vida com ele.

Pra mim, soa fake como comercial de margarina. Aliás, eu nunca vou entender a relação que fazem entre um pote de plástico de gordura hidrogenada e a família perfeita e feliz! Alguém sabe explicar?!

A verdade nua e crua é simples: o homem perfeito não é um checklist. Temos que aceitar isso. Aliás, temos que aceitar que não existe homem perfeito, estamos todos longe de ser normais ou perfeitos porque esses são conceitos nos quais é impossível enquadrar seres humanos, porque cada um é único. As qualidades que nunca incluímos no checklist do homem perfeito costumam ser exatamente aquilo que falta pra começar, pra continuar, pra dar certo.

Não existe (ainda bem!) um homem perfeito, mas existe SIM um homem que pode ser "perfeito" pra você: um homem de carne e osso, que reúne aquilo que é essencial pra manter o brilho nos seus olhos quando ele te abraçar de manhã e, sem dizer nada, demonstrar o quanto ele gosta de você, MESMO quando você está descabelada e com a cara amassada. Pra encontrar esse homem, no entanto, é preciso querer parar de navegar indefinidamente na superfície das coisas e das pessoas e se jogar! E é preciso jogar fora a lista de exigências e simplesmente se permitir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário