segunda-feira, 24 de maio de 2010

Depois da sabedoria das amigas, a ignorância dos conhecidos

Desde a mais tenra infância lembro da seguinte frase, proferida por um menino que morava no meu prédio:


"Quando você começa a namorar, tem logo é que colocar um chifre de garantia. Se ela não te trair, você pegou alguém e isso é sempre bom. Se ela te trair, pelo menos você empata".


Não é à toa que eu cresci e virei uma misantropa pessismista que acha que o amor é uma construção cultural (escrevo mais sobre isso algum dia). Mas, sinceramente, se é pra pensar assim, não namora. Aliás, se é pra ter essa postura na vida, se mata.

3 comentários: