quarta-feira, 19 de maio de 2010

Os brutos também amam... mesmo!

Tenho um casal de amigos que são assim... a imagem da toscaria. Cabelos roxos ou moicanos (até que hoje nem usam mais), piercings, várias tatuagens, muitos palavrões no vocabulário... Então? Imaginaram?

Mas mesmo assim este é o casal mais família que eu conheço. Eles tem um filho de 4 anos totalmente fã do Kiss e do Ozzy, mas que chora como qualquer outra criança quando cai da cadeira. E ainda por cima, adoram fazer passeios família nos finais de semana, como almoçar no shopping, ir ao zoológico com o filho... Essas coisas.

Hoje eu e essa amiga estávamos almoçando e conversamos sobre várias mulherzisses como trabalho, fofocas de celebridades, roupas, sapatos, e sobre querer se apaixonar. Aí ela me contou como foi que ela conheceu o seu, hoje, marido e qual foi o momento em que ela percebeu que seu coração seria dele:

- Eu morava em outro Estado. Nos conhecemos pela internet. Ele queria saber sobre uma banda que eu produzia e começamos a nos falar. Depois começamos a namorar via email e msn - nunca tínhamos nos visto pessoalmente. Até que a banda fez um show em São Paulo e outro no Rio. Quando eu cheguei no Rio ele foi me buscar no aeroporto e sabe o que ele falou pra mim?

- Ãh?

- "Posso segurar na sua mão?". Você consegue imaginar? Um tosco daquele pedindo pra segurar minha mão? Pois é, e foi aí que ele me ganhou.

Gente, isso não é é fofo? É sim!

Bom, é isso. Adorei e resolvi compartilhar. :)

2 comentários: