quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Para refletir

Há poucos meses, houve uma operação especial no meu trabalho, que por poucas semanas envolveu minha gerência numa rotina bem estressante: jornadas diárias de 12 horas, viagens non-stop, ir ao banheiro uma vez ao dia por falta de tempo. Estava comentando esta loucura com um gerente da minha área de atuação e falei "Ainda bem que meu namorado está de férias na Austrália, porque eu fico com todo o tempo disponível para dar conta do tabalho".

Oi? Fiquei louca? Prefiro trabalhar a brincar de fazer neném? Comecei a me corrigir quando o gerente (cujo contracheque deve ser cinco vezes mais feliz que o meu e não faço ideia do estado civil), me interrompeu:

- Olha, pra começar, acho um absurdo seu namorado ficar tão longe por tanto tempo (ele divagou mais sobre este tema, mas não é a pauta deste post). E você tem razão, o trabalho deve ser prioridade. Existem 6 bilhões de pessoas no mundo. Todo mundo namora, casa, várias vezes, com várias pessoas. Ter um parceiro não é um problema. Mas um emprego bom como o nosso, que nos dá tantas oportunidades, isso sim é muito raro. E é isto que você deve abraçar.
Vocês concordam?

3 comentários:

  1. Não muito, até porque um pouco de sentimentalidade não faz mal a ninguém. Mas é importante focar nos seus sonhos e objetivos, o legal é saber dividir as duas coisas.

    Ps.: Tem um selinho pra ti no meu blog, passa lá depois :* # adubesuavida.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Bem, se eu estivesse na situação que ele se encontra, concordaria sim '-' rs
    Tô brincando.

    Não, não concordo. A sociedade nos impôe de que o dinheiro e o trabalho e a falta de tempo é o correto, e que se nós temos tudo isso em nossas vidas, devemos nos sentir privilegiados.
    Mas sendo até clichê, e o amor e a felicidade própria, não comercializada, aonde fica ?
    O que adianta ter tudo isso e não sentir amor pela nossa vida, somente aos nossos bens ?!
    Concordo de que querer algo e conseguir é muito bom, desde que esteja junto com sentimentos que na verdade sua sinceridade é bem dificil alcançar.
    Ps.: é, sou romântica..

    ResponderExcluir
  3. Com certeza. Porque namorados vem e vao. Mas trabalho... vamos combinar ne?! A menos que o sujeito seja adepto do famoso "...vamos viver so de amor...". Fala Serio!

    ResponderExcluir