quarta-feira, 6 de julho de 2011

De graça pode...

Sempre foi oficial: o amor é uma falácia e a política é uma piada. É tanta falta de absurdo, que poder-se-ia escrever um livro cômico sobre ambos os temas.

Enquanto isso, na sala de justiça, ops!, digo, na política, a moral e os bons costumes segundo o deputado federal João Campos deve ser LEI:

Projeto de lei 377/2011 Tipifica o Crime de Contratação de Serviços Sexuais

O Congresso Nacional decreta:
Art. 1º O Decreto-Lei no 2.848, de 7 de dezembro de 1940 – Código Penal –, passa a vigorar acrescido do seguinte art. 231-A:
“Contratação de serviço sexual”

“Art. 231-A. Pagar ou oferecer pagamento a alguém pela prestação de serviço de natureza sexual:”

“Pena – detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses.”

“Parágrafo único. Incorre na mesma pena quem aceita a oferta de prestação de serviço de natureza sexual, sabendo que o serviço está sujeito a remuneração.”

Nem vou dizer o que eu acho que é uma verdadeira sacanagem...

Um comentário:

  1. Desde que a lei da oferta e da procura foi promulgada pelo capitalismo, fica difícil colar um negócio desses.

    ResponderExcluir