segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

O acerto do erro...

Oi Gentém!


Antes de contar a história do dia, gostaria de contar que entre minhas resoluções de ano novo eu incluí (top five, ok?) postar mais por aqui. Sim, senti saudades!!!!

Enfim, eis a historia que ouvi hoje, no almoço da primeira segunda-feira de 2012:

A Lu estava contando de uma festa que ela foi em São Paulo. Estilo cult, galera legalzinha e tals... Segundo ela, os machos do local estavam todos devidamente uniformizados com seus abadás indies (barba, camisa xadrez e óculos pretinho).


Ela saiu para se divertir com seus amigos, mas cla-ro que ela chegou e deu aquela checada no lugar a procura dos gatchenhos. E logo localizou o alvo da noite: uma figura bronca, ogra, e que tem com hobbie de final de semana construir carros. (E eu disse construir, não consertar...)


Investiu no moço a noite toda. Olhando, dançando, cantando... Até que ela viu que nada aconteceria e desisitiu. Não sem ficar puta com o cara, por ser um imbecil, claro. Pra "fugir" do cara durante a noite, que como todo bom macho imbecil, depois ficou correndo atrás dela(Clássico!), a Lu foi dançar com a figura mais esquisita da noite. Dançou loucamente e descoordenadamente com seu novo amigo. Pra chutar o balde mesmo. No melhor estilo "a noite já tá perdida mesmo, então f@#&-se".


Acontece que essa dança descoordenada se mostrou uma afinidade entre os dois... Dai em diante, rolou um beijo, um telefonema no dia seguinte, um filme... E o ogro-objeto-de-desejo não passou de um coadjuvante da historia.


Moral da historia, nenhuma. Só achei a historia legal e quis compartilhar. Talvez pra mostrar que algumas vezes a gente investe tanto numa pessoa que parece ser A pessoa da nossa vida, que não percebe que o nadavê se mostra muito mais adequado.


Feliz 2012!!!!

4 comentários:

  1. Dá pra perceber que eu não sou a Lu da estória porque eu danço lindamente, e não descoordenadamente. E também destruir carros doesn't turn me on.

    ResponderExcluir
  2. Luciana,
    Da proxima vez, nao me escapa. Estava namorando e nao dava para falar com voce. Fecho os olhos e lembro de voce "dançando lindamente".
    Quando te encontar( Lapa,Blocos,Matriz, até no metro ), vou te beijar.
    Quero muito te conhecer. Quero voce.

    "For this is the beginning of forever and ever"
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Te quero,
      Agradecemos o empenho, mas com a minha sorte, há zero chances de você ser gatinho.

      Excluir
    2. Oi Luciana,

      Posso nao ser um atleta, mas dou minhas corridinhas ... rss
      Se o problema é só esse, "ser gatinho" sua sorte acabou de mudar, até porque, acredito que voce tenha gostado do que viu ;)

      Mas chega de falacia, quando vou te ver novamente ?

      Bjs

      Excluir